quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

BOOM IMOBILIÁRIO

Como todos sabem, Santos está sendo a bola da vez na questão de investimentos imobiliários! Casas maravilhosas, conventos, são demolidos para contruções de novos empreendimentos imobiliários.
Na semana passada acompanhamos imagens que duraram menos de 5 segundos da implosão de um prédio em SP, para dar espaço à um novo edifício!
Nosso querido Cine Indaiá foi demolido no ano passado para mais um empreendimento!
Será que corremos o risco de uma implosão em Santos como está?
Pior, será que estamos preparados para tantos empreendimentos na cidade!
Não vejo obras de infraestrutura, saneamento, entre outras!
BOOM? Ou melhor BOM vamos ver no que vai dar isso!

5 comentários:

sergio disse...

Não só Santos está sendo vítima desta praga, amiga. Aqui no Rio a Prefeitura decretou o fechamento do Abrigo Cristo Redentor, asilo para idosos fundado em 1937 e que chegou a abrigar mais de 2.000 velhinhos e hoje tem entre 300 a 400 internos.
Alegam que querem o bem dos idosos e em lugar dos idosos vão implantar um projeto voltado para crianças e adolescentes.
Mas a verdade ´pe outra o asilo tem uma área imensa e há muito já sabemos que existe uma proposta de uma empresa imobiliária para acabar com o asilo e construir ali um condomínio fechado,
Estamos na luta contra este absurdo e em nosso site disponibilizamos um abaixo-assinado contra a infeliz idéia: http://www.jornalcarranca.com.br.
Lá tem todo a cobertura do assunto.
Sergio Miranda
Higienópolis, Rio de Janeiro, RJ

Anônimo disse...

Caro, Sérgio! Aqui em Santos as coisas ocorreram de forma bem tranqüila. Alterou-se o Plano Diretor, abrindo a possibilidade dos "espigões". Para minimizar o impacto, sequer exigiram "reúso"da água, utilização da água da chuva, captação da energia solar, individualização de hidrômetros, arborização do teto e do entorno dos edifícios, etc.

Anônimo disse...

A condição de anônimo foi pela dificuldade na validação da senha. O meu nome é Ibrahim Tauil.

Anônimo disse...

Numa sociedade em que o moderno toma lugar do antigo a constatacao de uma cultura simplesmente é suprida e esquecida. Aquele que nao tem como se referir as suas raizes passarão a viver o seu dia como se o que ocorreu ontem não fosse, de forma alguma, a base para o seu hoje ou amanha. Se nao se tem como para tras olhar, certamente a visao do futura ficará embassada e difícil. Vera Santos, Londres

Ibrahim Tauil disse...

No dia 26 de março próximo,às 19h, na UNISANTOS da Av. Cons. Nébias,300, acontecerá um debate sobre os grandes empreendimentos e os impactos que podem causar.
COMPAREÇAM

.

.